Arquivo para Google

WBF – Google Panda Update

Posted in SEO with tags , , , on 24 de junho de 2011 by luizamcalmeida

Muito foi escrito sobre o Google Panda, muito foi dito sobre o Google ser bonzinho ou malvadinho tentando “sacanear os SEO’s, muitas teorias foram feitas, muitas críticas, mas nenhuma solução ou qualificação que descreva porque razão o Google fez o que fez com o SEO de algumas pessoas que foram afetadas pela atualização.

Nada de conclusivo até agora! O pessoal do SEOmoz se superou mais uma vez de forma simples e ter alguns argumentos conclusivos através do video do coleguinha Randfishkin.

// //

De tudo o que foi mostrado é importante frisarmos dois pontos: SEO pensando na usabilidade e qualidade do site. E também as métricas que são propostas no video.

A qualidade para um SEO como é colocar meta tags bonitinhas, palavras-chave e todas aquelas coisas que são passadas para os estagiários fazerem e que se você não tiver mais nenhum conhecimento além do SEO vai morrer por aí. Qualidade do site na realidade não pode ser medida pela equipe de SEO. Se o conteúdo do site é de qualidade quem vai nos dizer são os usuários e os proprietários do site (se você trabalhar numa agência como eu).

As “novas métricas” propostas também são bem legais pois mostram o interesse do usuário no seu site de forma que mostre que ele esta “curtindo” o site, navegando de forma legal e pretenda voltar para uma segunda visita. Por exemplo: É legal ter visitantes únicos mas se você tem X visitantes únicos e X*2 visitantes que retornaram, WOW as pessoas realmente gostaram do que viram e esta métrica deixa de ser negativa. CTR do webmastertools também é bem legal de levar em consideração. As vezes uma busca gerou só 20 visitas para o seu site, mas em compensação ela só apareceu no ranqueamento 25 vezes. Ponto positivo para sue site, enquanto o site do “vizinho” teve 100 visitas e meio milhão de vizualizações.

O importante sempre será o consumidor final daquilo que você produz em seu site. Infelizmente para alguns SEO’s os robôs de busca não são “consumidores”, eles apenas fazem uma auditoria no estilo ISO para conferir a qualidade do que é levado aos usuários. Então seja o que for que você crie no seu site, pense nas pessoas que não tem obrigação nenhuma com seus resultados de SEO e muito menos com a sua posição no Google.

P.S.: O Google levar cada vez mais em consideração o que os usuários gostam, torna-o mais próximo da realidade de uma busca feita por seus usuários e não pelos Crawlers.

Anúncios

Google black hatter?

Posted in SEO with tags , , on 7 de setembro de 2010 by luizamcalmeida
Google Black atter

Google: A luta é pela usabilidade ou por sua própria sobrevivência?

O Google é bonzinho? O Google é malvadinho?

Não. É apenas uma empresa que faz de tudo (como qualquer empresa) para obter lucros.

certo dia estava numa discussão no Central do Webmasters do Google e iniciou-se uma discussão de até que ponto é aceitavel ter links de sites de apoio para seu site.

Por exemplo, quando você criar sites menores e mais especificos para os produtos de sua empresa e nestes sites você tem links para o seu site principal. Se você cria muitos sites pequenos, isto é considerado black hat? mesmo que tenham conteúdo relevante ?

Usando o exemplo de um site de E-Commerce que tenha mais de duzentos produtos e você queira criar páginas especificas para seus produtos, seria muito justo você criá-las, pois no ponto de vista de SEO você teria uma URL melhor para seus produtos, Titles e conteudo, e ainda geraria os benditos links para seu site.

A resposta que obtive do Flávio Raimundo, mediador dos foruns, é:

“O site é seu, vc faz nele o que quiser. Não é questão de errado ou não.
Porém vc e os demais nunca, nunquinha, never, jamé, esqueçam de uma coisa, o Google também pode fazer o que quiser!”

(Veja a discussão no fórum do Google.)

Isso me deixou meio puto na hora, porque o Google pode fazer o que quiser? Muitos vão dizer “a ferramenta de busca é deles eles tem o direito”, mas isso na minha opinião é manipulação de resultados e limita a criatividade dos desenvolvedores de SEO.

Vejam, não sou a favor de criar uma página com dez, vinte ou cem links iguais, mas a partir do momento em que você encontra uma alternativa para criar links baseados em conteúdo relevante, sem depender de outros usuários, você é orientado a tomar cuidado com o Google?

todos, nenhum a menos, tem a chance de usar tal recurso, então porque não?

“os links são votos de confiança no seu site!”

Concordo, mas os seus próprios links fazem o seu site menos confiável? I don´t think so…

As 400 mudanças anuais no algoritmo não são tão fofinhas assim com os usuários…

Por isso questiono: A liberdade que o Google dá a si mesmo e não permite aos usuários faz sentido por eles serem os “donos” do negócio, ou isso é apenas uma limitação para manter uma ordem que acompanhe o ritmo de evolução desejados pelos Googlers?

Como eu sou um cara do contra e questiono tudo até que me convençam do contrário, ponho em pauta esta discussão para ver se isso tudo que eu falei é uma grande besteira, ou se faz algum sentido :D

abçs!